O Serviço de Animação Vocacional tem por finalidade ajudar as jovens no processo de discernimento vocacional.

Caminho Vocacional
DESPERTAR momento em que o jovem começa a pensar nas possibilidades
Você é chamada(o) por Deus!
Já penso nisso?

DISCERNIR
com a ajuda da animadora vocacional o jovem trilha um caminho de conhecimento, de buscar de esclarecer o que pensa, sente e deseja.
O que Deus quer de mim?
Fazendo opção!

CULTIVAR tempo de fazer a experiência, se aproximar da vocação que pulsa, amadurecer a opção.
Para onde Deus me chama?
Deixar-se encantar!

ACOMPANHAR
Deixar-se conduzir por Deus!

Trilhando o caminho!

A primeira etapa após um período de acompanhamento pessoal, de encontro, partilha, oração, conhecimento, inicia o aspirantado – a jovem ao se perceber chamado ao seguimento de Jesus se sente atraída para responder através da Congregação pela qual se identificou com o carisma.

A jovem conhece mais de perto a congregação, estará em uma comunidade para conhecer melhor o dia a dia e vivenciar o segundo passo é o pré-noviciado – assumir com maior empenho pessoal, sua dimensão humana, cristã e congregacional, tempo de aprofundar o chamado de Deus e a própria história. Acrescenta a este período mais informações, passa a participar de cursos específicos, com outros jovens que se encontro no mesmo processo, tempo oportuno para troca de experiencias e de perceber se a opção feita continua atraindo, interessando, motivando no caminho.

Estando apta, disposta a continuar, com o consentimento da formadora, da comunidade e da responsável da Província, a jovem ingressa no noviciado período da iniciação à vida religiosa consagrada. Tempo em que a formanda se debruça ainda mais sobre as regras da congregação.

A jovem experimenta as exigências de viver como Irmã, interioriza os valores do carisma, aprofundar sobre os conselhos evangélicos. Concluido esta etapa que são de dois anos, a jovem se desejar, pede para fazer os primeiros votos, chamados temporários, pois estes são feitos por 1 ano e são renovados por no mínimo 5 anos. até chegar aos votos decisivos, votos perpétuos.

Imagem2